Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

GILMA GERMANO: Nota de repúdio à indicação de intervenção do PPS Nacional no Diretório Estadual

Em cumprimento às determinações legais para que realizássemos nossos congressos, a maioria da Executiva Estadual deliberou pela convocação do diretório para estabelecer as regras estatutárias de suas realizações. Fomos, porém, surpreendidos com uma declaração de um membro da Executiva Nacional, Wolber Júnior, feita verbalmente à deputada Gilma Germano, anunciando-lhe a indicação de intervenção no diretório paraibano.

Reunido com a expressiva maioria de seus membros, na tarde de 29 de agosto deste, o Diretório resolve manifestar veemente repúdio à atitude tão antidemocrática! Vimos declarar que rejeitamos, categoricamente, qualquer tentativa de golpe e desconhecemos, portanto, a imposição de uma comissão provisória, tendo em vista que estamos legal e moralmente amparados por um congresso que nos elegeu em 2012, e que precisa ter seu mandato cumprido e respeitado.

Esta tentativa de golpe, reiteramos, é uma ação truculenta e sem base legal, tendo em vista que a situação estrutural do nosso diretório, no que concerne a sua quantidade, SEGURAMENTE, está mais confortável aqui do que em outros Estados da Federação. Aliás, está legalmente constituída, uma consulta ao site do TSE atesta isto!

Ativamos, então, de pronto a nossa resistência à condenável prática, ao tempo que lembramos que esta já contabiliza a 4ª vez em que os diretórios paraibanos sofrem intervenção por parte da Executiva Nacional. E, convenhamos, a cada intervenção, o PPS sepulta uma parte aguerrida de sua história de luta por um país mais justo e nos rememora os porões de ditaduras, com a tortura emocional e política de seus filiados. Quanta indecência!

Ademais, temos que reconhecer que as lições de cidadania e ativismo, trazidas pelas fervorosas manifestações das ruas em junho, não foram compreendidas por esta parte do PPS. Se assim não o fosse, não veria com maus olhos a realização de congressos, não apregoaria a autoritária dissolução do que foi construído legitimamente com o voto dos militantes do partido.

Finalizando, informamos que não recebemos nenhum comunicado oficial por parte da Executiva Nacional expondo as motivações do “golpe”. E, a despeito de qualquer informação, tomaremos todas as medidas jurídicas necessárias para garantirmos a realização de nossos congressos!

Saudações democráticas,
Gilma Germano
Deputada Estadual 
Presidente do Diretório Estadual do PPS

Nenhum comentário:

Postar um comentário