Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Jovem é suspeito de matar tio com facada na PB; crime teria sido motivado por ciúmes

O crime ocorreu nas proximidades do Pronto Atendimento Maria Marques, e tem como principal suspeito um sobrinho da vítima
Foto: Patos Online
Funcionário público foi assassinado em Patos
Foi morto nessa quinta-feira (23), o ajudante de pedreiro Geraldo Martins Xavier, 36 anos, conhecido por Dadinha, residente no Bairro Jatobá, em Patos, Sertão da Paraíba. A vítima, que era funcionário público da Prefeitura Municipal de Patos foi assassinado com golpes de faca. Comente no final da matéria.


O crime ocorreu nas proximidades do Pronto Atendimento Maria Marques, e tem como principal suspeito um sobrinho da vítima, um jovem de 24 anos. A morte teria sido por motivo passional, pois a vítima se relacionava com uma mulher, que estaria se relacionando também com o suspeito.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência havia acabado de atender uma mulher, que teria sido o pivô do desentendimento entre os dois homens. O SAMU estava em atendendo a ela e depois a levou até o Pronto Atendimento Maria Marques. Quando a equipe chegou ao Pronto Atendimento, a vítima fatal chegou dizendo que estava ferido gravemente.

Geraldo Martins sofreu um golpe profundo nas proximidades do pescoço que sangrava bastante e um corte no braço. Ele ainda chegou a se comunicar com os funcionários do SAMU, porém, começou a desfalecer sendo socorrido com os primeiros procedimentos.

Funcionários do Pronto Atendimento fecharam as portas do órgão, pois as informações eram de que o agressor estava nas imediações e poderia adentrar o local. A polícia Militar foi acionada e duas guarnições fizeram a segurança e colheram os primeiros relatos sobre o caso.

Apesar dos esforços das equipes do SAMU e do Pronto Atendimento, Geraldo Martins não resistiu ao ferimento e veio a óbito minutos depois. A Polícia Militar realizou diligencias para localizar o principal suspeito, porém, até o fechamento desta matéria, ninguém foi preso.

DIÁRIO DO SERTÃO com Patos Online