Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

domingo, 14 de janeiro de 2018

Dia 31 de janeiro terá três versões especiais da Lua ao mesmo tempo

Superlua, Lua Azul e Lua de Sangue devem acontecer ao mesmo tempo, pela primeira vez em 150 anos

A noite do dia 31 de janeiro promete ser bem inesquecível para apaixonados por Astronomia. Espera-se que um combo de três versões especiais da Lua seja possível de ser observado. A informação é da revista Super Interessante. Comente no final da matéria.


De acordo com o veículo, os fenômenos Superlua, Lua Azul e Lua de Sangue devem acontecer ao mesmo tempo, pela primeira vez em 150 anos. No Brasil, porém, não será possível perceber o raro evento em sua plenitude. Isso porque Lua de Sangue é o nome dado ao satélite durante um eclipse lunar total, que não será visível no país.  Nesse tipo de evento, há alinhamento das posições da Lua e da Terra, fazendo com que o planeta fique exatamente entre o satélite o Sol. Por conta desses alinhamentos, a Lua ganha um tom avermelhado.

Por aqui, as pessoas podem esperar uma Lua maior e mais brilhante do que as observadas em dias comuns, a Superlua, cuja mais recente aparição foi em 1º de janeiro deste ano. O fenômeno acontece quando a lua está mais perto da Terra que o normal. No dia 31, o satélite também poderá ser chamado de Lua Azul, pois será a segunda vez que ele aparecerá na forma cheia dentro de um mesmo mês. Apesar de o nome sugerir isso, a lua não fica azulada. Ainda conforme a Super Interessante, a última Lua Azul apareceu em 2 de julho de 2015.

Portal Correio