Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

terça-feira, 22 de outubro de 2019

Professor de karatê é executado a tiros no Sertão

Crime aconteceu quando o professor estava em uma moto e foi abordado por dois homens. Sem esboçar reação, o professor foi assassinado

Professor era conhecido como Dão do Karatê
(Foto: Reprodução/arquivo pessoal)
Um professor de karatê identificado como João Gonçalves, conhecido como Dão do karatê, foi executado a tiros na manhã desta terça-feira (22) no município de Sousa, Sertão paraibano, a 442 quilômetros de João Pessoa.

O crime aconteceu quando o professor estava em uma moto trafegando nas proximidades de um supermercado e foi abordado por dois homens, que também estavam em uma moto. Sem esboçar reação, o professor foi assassinado a tiros.

De acordo com o delegado Ilamilton Simplício, a polícia conseguiu acesso a imagens de câmeras de segurança do local do crime, mas não é possível identificar os bandidos porque eles estavam de capacete e com roupas que cobriam todo o corpo.

“Temos várias linhas de investigação, mas o que sabemos de concreto até agora é de que se tratou de uma execução. Não houve reação da vítima, não houve objeto roubado. Eles foram lá para matar o professor. Iremos ouvir familiares de João para saber se ele tinha problema com alguma pessoa, mas até onde sabemos ele era um homem tranquilo e sem inimigos”, afirmou o delegado.

Portal Correio

Prefeito e assessores entregam alimentos arrecadados em eventos para famílias carentes de NP

Ação de cidadania foi realizada na manhã desta terça-feira (22)

Famílias receberam cestas de alimentos
(Foto: Assessoria)
O prefeito Aílton Gomes, ao lado da secretária de Assistência Social, Alzilene Gomes; e do diretor de esportes, Erivan Gomes; entregou na manhã desta terça-feira (22) cestas de alimentos para famílias carentes de Nova Palmeira.

Produtos como feijão, arroz, macarrão, manteiga, açúcar, maizena, entre outros mantimentos, foram conseguidos através de doações em dois grandes eventos realizados na cidade: na entrada da final do XIV Municipal de Futsal, realizado na sexta-feira (18); e na participação do I Super Aulão de Master Class Zumba, ocorrido no último domingo (20).

Antes da entrega, o prefeito visitou o depósito de provisões e comprovou o sucesso da arrecadação dos gêneros alimentícios. Aílton ainda comentou sobre a doação as pessoas com necessidades.

"Esta ação é de grande importância, pois além de receber um alimento de boa qualidade, garante também para a família, economia nos gastos da casa”, disse.

Assessoria de Imprensa

Prefeito Aílton entrega aparelhos de ar-condicionado para Secretaria de Educação

O benefício foi conquistado junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), em recente viagem do prefeito a Brasília

Prefeito Aílton conquista benefício
para a Educação (Foto: Assessoria)
Com a preocupação de oferecer maior conforto para servidores, professores e alunos da rede municipal de ensino, o prefeito de Nova Palmeira, Aílton Gomes Medeiros, entregou na manhã desta terça-feira (22), oito aparelhos de ar-condicionado para a Secretaria de Educação.

O benefício foi conquistado junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), em recente viagem do prefeito a Brasília, e serão distribuídos de acordo com as necessidades do setor educacional.

“Quem busca, quem corre atrás, consegue as coisas. Então está aí o resultado, os aparelhos de ar-condicionado para os servidores, professores e alunos ficarem mais aconchegados”, disse Aílton.

A Gestão Construindo Uma Nova História prioriza cada área com atenção especial, e desta vez, a Educação do município foi a contemplada com investimento em bem-estar para seu quadro de pessoal.

Assessoria de Imprensa

Maior tragédia do Seridó paraibano completa 31 anos; saldo de 14 mortos e 30 feridos

Treze das vítimas foram do distrito de Baraúna, (município de Picuí, na época) e estavam indo a sede no ônibus e na camioneta do vereador Francisco Gomes com o objetivo de levar o apoio aos candidatos da coligação
Tragédia foi a maior da região do Seridó paraibano
(Foto: Jônatas Rodrigues)
A população do município de Baraúna (na época distrito), de Picuí, localizado no Seridó Paraibano, consternada com a tragédia ocorrida na noite de sábado (22 de outubro de 1988), quando, a tríplice colisão, envolvendo a caminhonete amarela de placa BC-0319-RN e o Fiat Branco CG 6989-PB e o ônibus da viação Maia, da cidade de Pedra Lavrada, deixou uma saldo de 14 mortos e mais 30 pessoas feridas. Sepultados num clima de muita comoção e dor, 13 vítimas do acidente, enquanto que outra foi sepultada em Picuí.
A tragédia aconteceu na noite de sábado por volta das 21h00 nas proximidades da entrada da cidade de Picuí onde iria ser realizado um grande comício da coligação renovadora picuiense que congregava o PMDB e o PL. Treze das vítimas foram do distrito de Baraúna (município de Picuí, na época), e estavam indo a sede no ônibus e na camioneta do vereador Francisco Gomes com o objetivo de levar o apoio aos candidatos da coligação. 
Segundo informações colhidas na capela de Baraúna, onde durante todo o dia de ontem centenas de pessoas velaram os corpos, o vereador Francisco Gomes da Silva, o “Chico de Adalto”, uma das vítimas fatais da tríplice colisão, fretou o ônibus que se dirigia aquele distrito no sentido de trazer os seguidores de sua campanha para o comício.
Muitos Carros 
Na fazenda “Barra Bode”, a menos de um quilômetro de Picuí, mais de 20 carros estavam à espera dos que vinham de Baraúna, onde as pessoas esperavam os que dirigiam-se do distrito e em seguida seguiriam em passeata para o centro daquela cidade para o referido ato público, organizado pelo médico João Batista Balduíno, candidato a prefeito pela Coligação renovadora Picuiense. 
O ônibus, dirigido por um rapaz da cidade de Pedra Lavrada, conhecido apenas por Valmir, que minutos após o acidente, com apenas ferimentos leves tomou rumo ignorado, atrasou durante o percurso entre Baraúna e Picuí. O vereador “Chico de Adalto” já havia chegado ao local da espera e aguardava o ônibus com sua camioneta estacionas e super lotadas de pessoas, quando aconteceu a tragédia.
Arrastado
O mecânico José Porfírio Dantas, conhecido por “Zezinho Amaro”, que segundo informações foi o causador do acidente, vinha em seu Fiat no sentido Picuí/Baraúna com o objetivo de juntar-se aos veículos estacionados às margens da rodovia, que apesar de já encontrar-se perto dos outros carros desenvolvia ainda alta velocidade.

Valmir, que guiava o ônibus, perdeu o controle do mesmo e bateu contra a camioneta do vereador, arrancando a carroceria, atirando a vários metros de distância todos que se encontravam em cima do devido carro, que não sobreviveram devido ao grande impacto, “Chico de Adalto” Estava dentro da cabine da camioneta, a qual dirigia, mais também foi arremessado para fora pelo para-brisa.


História é relembrada nos dias de hoje (Foto: Jônatas Rodrigues)
Ao receberem a notícia do acidente os moradores de Picuí ficaram em pânico, emocionados com o triste episódio. A festa política nem começou, tudo foi suspenso e todos que já se faziam presentes no comício rumaram para o local para prestarem socorro como voluntários. Onze pessoas morreram no local, várias pessoas foram socorridas às pressas para Campina Grande, sendo que três delas morreram no caminho e seus corpos foram conduzidos ao IML campinense. Outras levemente feridas foram atendidas no hospital de Picuí e de Esperança.

Sepultamentos
Apenas o mecânico José Porfírio, foi enterrado no município de Picuí, enquanto que as outras treze pessoas foram, sepultadas coletivamente às 16:00 horas de ontem no cemitério de Baraúna, de onde eram naturais da zona rural e urbana daquele distrito, distante a poucos quilômetros da cidade de Picuí.

Uma multidão compareceu ao enterro, e choraram pelas mortes de seu conterrâneo. As vítimas são: Rosa dos Santos, 52 anos, esposa de Cícero Quirino de Souza, Sebastiana dos Santos de Souza, 12 anos, e José Firmino de Souza de 25 anos, Filhos do casal: Severino Santos de 16 anos, sobrinho de Cícero Quirino, a esposa do agricultor Miltom Barbosa, Maria Salvina dos Santos e seus Filhos Ivanildo Barbosa dos Santos de 22 anos, e Ivonete Barbosa dos Santos de 23 anos: o Vereador Francisco Gomes da Silva, 59 anos, Ivan Gomes de Oliveira, 21 anos, estudante Maria do Céu Santos conhecida por “Bibi” e sua filha Rosa Maria de Souza de 11 anos, e Luzenilda Ferreira de Oliveira “Nega de Chico” solteira de 25 anos de Idade.

A outra vítima até horas antes do sepultamento ainda encontra-se no IML campinense sem identificação, mais segundo o Vereador José janduhy de Oliveira, que estava à frente dos problemas, devia ser um dos filhos de Cícero Quirino residentes do Sítio Caiçara. Várias pessoas continuam internadas nos Hospitais de Campina Grande, Picuí e Esperança, mas apenas Celina Ferreira de Oliveira encontra-se em estado Grave na CTI do João XXIII na serra da Borborema. A polícia de Picuí compareceu ao local da tragédia e fez o levantamento de praxe, mas não soube informar ainda o responsável pela tríplice colisão que emocionou a cidade na noite do último sábado. O prefeito Sebastião Ramos Dantas decretou luto oficial por três dias.

Por Baraúna Linda com transcrição da matéria do jornal Diário Da Borborema do dia 24 de outubro de 1988

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Evangelho do Dia: (Lc 12,35-38) - terça-feira, 22 de outubro de 2019

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas. Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrirem, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater. Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar. Em verdade, eu vos digo: Ele mesmo vai cingir-se, fazê-los sentar-se à mesa e, passando, os servirá. E caso ele chegue à meia-noite ou às três da madrugada, felizes serão, se assim os encontrar!

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

Nova Palmeira sedia I Super Aulão de Master Class Zumba e lota praça de eventos

O evento comemorou 5 anos do Zumba em Nova Palmeira

I Super Aulão de Master Class Zumba
(Foto: Assessoria)
A Praça de Eventos O Cirilão, na cidade de Nova Palmeira, foi palco na tarde deste domingo (20) do I Super Aulão de Master Class Zumba. O evento que comemorou 5 anos do Zumba em Nova Palmeira, foi idealizado pela professora de dança Sabrina Medeiros, e teve a parceria da Secretaria Municipal de Assistência Social, além do apoio das secretarias de Educação e Saúde.

I Super Aulão de Master Class Zumba (Foto: Assessoria)

O evento contou com a presença do prefeito Aílton Gomes, que junto a sua equipe de secretários e uma plateia numerosa de expectadores, prestigiou a tarde de muito agito e malhação das mulheres e também de crianças.
 
Prefeito Aílton esteve presente (Foto: Assessoria)
Além do grupo local - orientados por Sabrina e pelo professor convidado Deividy, equipes das cidades de Cubati e São Vicente do Seridó estiveram se apresentando, com a liderança dos professores Owairan e Xuxa, respectivamente.

Durante o I Master Class Zumba, um parquinho foi colocado pela secretária de Assistência Social, Alzilene Gomes, para que os menores pudessem se divertir enquanto as mães participavam do movimento.

Para entrar no gingado, cada participante levou 1 kg de alimento para ser doado com famílias carentes do município nova-palmeirense.
 
I Super Aulão de Master Class Zumba (Foto: Assessoria)
Benefícios da Zumba
Flexibilidade, queima de calorias, força muscular e resistência, estão entre os benefícios da prática. O movimento do corpo ainda melhora o batimento cardíaco, a circulação sanguínea, além de aumentar o metabolismo e reduzir o nível de colesterol. 

O que é preciso para dançar
As pessoas não precisam saber rebolar para praticar Zumba, só têm que ter disposição e alegria. A técnica é democrática e pode ser praticada por pessoas de todas as idades e mesmo por aquelas que não tenham um bom condicionamento físico.

Assessoria de Imprensa

Registrado acidente com vítima fatal na estrada que liga Nova Floresta a Baraúna

A vítima foi identificada como José Edgley de Araújo Dantas, conhecida como Zé de Kidu, de 33 anos
Foto: Reprodução 
Vítima tinha 33 anos
Na manhã desta segunda-feira (21) foi encontrado na comunidade de Canoa do Costa, na estrada que liga Nova Floresta a Baraúna, ambas da Paraíba, o corpo de um homem que teria vindo a óbito após ter sofrido um acidente nesta madrugada.

A vítima foi identificada como José Edgley de Araújo Dantas, conhecida como Zé de Kidu, de 33 anos. Acredita-se que ele seguia em sua motocicleta, quando perdeu o controle e bateu em uma pedra, vindo a óbito no local.

A Polícia Militar foi acionada, assim como a Perícia Técnica e o IML.

Local do acidente (Foto: Reprodução)
89FM

Homem é atacado com golpes de foice após discussão de trânsito em Currais Novos, RN

Vítima, que tem 53 anos de idade, foi socorrida ao hospital em estado grave. O agressor segue foragido

Homem é atacado com golpes de foice após discussão de
trânsito no interior do RN - Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi
Um homem foi atacado com golpes de foice na cabeça após uma discussão de trânsito que aconteceu em Currais Novos, no Seridó potiguar, no fim de semana. A vítima, que tem 53 anos de idade, foi socorrida ao hospital em estado grave. O agressor segue foragido.

O homem agredido seguia em uma motocicleta e teve um desentendimento no trânsito com o motorista de um carro. A discussão aconteceu na Avenida Cândido Dantas, no bairro Parque Dourado. Durante o bate-boca, o condutor desceu do automóvel com uma foice e partiu para cima do motociclista, golpeando-o várias vezes. Em seguida, o agressor fugiu e não foi mais visto.

G1 RN

Três pessoas morrem em acidente com avião em bairro residencial de BH

O acidente aconteceu em um bairro residencial

Monomotor caiu em Belo Horizonte
(Foto: Reprodução)
Um avião de pequeno porte, prefixo PR-ETJ, caiu na manhã desta segunda-feira (21), na esquina das ruas Minerva com Belmiro Braga, no bairro Caiçara, na Região Noroeste de Belo Horizonte, mesma região onde um avião caiu em abril deste ano. Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente deixou três mortos e outras três pessoas ficaram feridas.

O acidente aconteceu em um bairro residencial, próximo ao Aeroporto Carlos Prates, de onde a aeronave tinha acabado de decolar com destino a Ilhéus. Muita fumaça preta tomou conta da região. O local é o mesmo onde, em 13 de abril, caiu um avião e deixou um morto.

O acidente aconteceu próximo a uma academia. Foram ouvidas pelo menos duas explosões. O local está isolado.

G1

MEC publica padronização de carteira estudantil

A padronização da CIE visa facilitar o reconhecimento o reconhecimento do documento e do direito do estudante ao benefício da meia-entrada em todo território nacional
Imagem ilustrativa 
Carteira de estudante
O Ministério da Educação (MEC), publicou, nesta segunda-feira (21), no Diário Oficial da União (DOE), portaria que padroniza as Carteiras de identidade Estudantil em todo o país.

A padronização da CIE visa facilitar o reconhecimento o reconhecimento do documento e do direito do estudante ao benefício da meia-entrada em todo território nacional, bem como propiciar maior segurança e evitar fraudes na sua emissão e utilização.

A portaria estabelece um prazo de vinte dias para que os órgãos e entidades públicas e privadas adaptem seus procedimentos para a alimentação do cadastro no Sistema Educacional Brasileiro (SEB).

MaisPB

Homem é preso por agredir mulher em carro em João Pessoa

As agressões aconteciam na presença de uma criança, que estava na companhia do casal dentro do carro

A equipe de plantão na Delegacia da Mulher da Zona Sul (Central de Polícia/Geisel) realizou a prisão em flagrante no início da manhã desta segunda-feira (21) de Everaldo Nóbrega Epaminondas, 38 anos, que estava agredindo sua companheira, Maria Soraia Alves de Oliveira, 23 anos, dentro de um carro nas proximidades do Viaduto do Geisel, em João Pessoa.

As agressões aconteciam na presença de uma criança, que estava na companhia do casal dentro do carro. A polícia chegou ao casal porque um popular presenciou a cena e prestou foi até à delegacia fazer a denúncia. Segundo a delegada Amim Oliveira, da delegacia da mulher, uma equipe foi imediatamente até o local, confirmou as agressões e conduziu vítima e acusado até a delegacia.

Everaldo Epaminondas foi preso em flagrante e está sendo ouvido neste momento pela delegada. A criança está em poder da vítima, que também está sendo ouvida pela delegada.

As primeiras informações são de que o casal estava brigando por ciúmes. A mulher teria visto seu companheiro tinha uma amante. Houve uma discussão e ele estaria vindo deixa-la em casa quando parou novamente o carro no viaduto do Geisel e houve nova discussão seguida de agressão física.

A delegada Amin Oliveira está à disposição da imprensa na Delegacia da Mulher Zona Sul (Central de Polícia), no período da manhã de hoje, 21.10.2019, para gravar entrevistas e dar mais informações sobre o caso.

MaisPB

Preso suspeito de tentativa de feminicídio e estupro no RN

Suspeito estava sendo procurado pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte desde o dia 21 de agosto deste ano

Uilame Miranda estava sendo procurado pela
Polícia Civil desde o dia 21 de agosto suspeito
de tentativas de feminicídio e estupro no RN
(Foto: Polícia Civil/Divulgação)
Uilame Miranda dos Santos, 48 anos, foragido por tentar matar companheira e a filha dela, na Grande Natal, foi preso em São Paulo noite do domingo (20). O suspeito estava sendo procurado pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte desde o dia 21 de agosto deste ano. A prisão ocorreu em um restaurante na cidade de São Paulo.

O suspeito, a companheira e a enteada de 13 anos moravam no loteamento Brasil, município de Macaíba. Por volta das 13h do dia 21 de agosto, o homem tentou estuprar a garota e foi flagrado pela companheira e mãe da vítima.

A mulher tentou evitar o abuso e foi esfaqueada pelo agressor. Além de faca, o homem usou uma pedra para tentar matar as vítimas.

As duas foram levadas para o hospital e quando tiveram alta se mudaram para outro estado. Segundo as investigações, Uilame Miranda recebeu ajuda de dois homens para chegar até familiares e, desde então, não tinha sido visto.

OP9

Idoso é preso suspeito de abusar criança de 10 anos, em Campina Grande

Menino teria sido atraído para dentro do bar de propriedade do suspeito

Um idoso foi preso suspeito de abusar uma criança de dez anos na manhã deste domingo (20), no bairro Jardim Quarenta, em Campina Grande. Segundo a polícia, o menino teria sido atraído para dentro do bar de propriedade do suspeito.

Ainda de acordo com a polícia, o idoso, de 62 anos, teria oferecido um pirulito ao menino e logo depois teria tentado acariciar as partes íntimas da criança. O menino conseguiu correr para casa dos pais e contou o que havia acontecido.

O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para a carceragem da Central de Polícia Civil de Campina Grande, onde aguarda por audiência de custódia.

G1 PB

Exame para diagnóstico preciso do Zika chega ao mercado

Método, testado em mais de 3 mil mulheres de diferentes estados do Brasil, foi desenvolvido pela empresa AdvaGen Biotech

Foi aprovado um novo exame sorológico que detecta a presença de anticorpos contra o vírus Zika em amostras de sangue para comercialização. O teste avança em relação aos que estão disponíveis no mercado pela sua capacidade de identificar se o indivíduo foi infectado mesmo após o término da fase aguda da doença. Além disso, apresenta alta precisão mesmo em pessoas que já tiveram dengue ou febre amarela.

O método, testado em mais de 3 mil mulheres de diferentes estados do Brasil, foi desenvolvido pela empresa AdvaGen Biotech, em colaboração com pesquisadores do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (ICB-USP) e do Instituto Butantan. O projeto contou com apoio da Fapesp e da Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep) por meio do Programa PAPPE/PIPE Subvenção.

A empresa detentora da patente tem sede em Itu (SP) e capacidade para produzir 40 mil testes por dia. Com a liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para uso comercial, a empresa está fazendo a validação do kit de testes junto aos Laboratórios Centrais de Saúde Pública (Lacen), em Brasília, para a participação junto ao Projeto Cegonha – estratégia do Sistema Único de Saúde (SUS) para o acompanhamento das gestantes em todo o país.

Além disso, o kit também está sendo apresentado para quatro laboratórios privados do Brasil e está em fase de validação na Argentina e na Colômbia.

Objetivo
O objetivo da empresa é que o teste de baixo custo entre no rol de exames de pré-natal do Ministério da Saúde e das Secretarias de Saúde. Além de determinar quais pessoas já foram expostas ao vírus, o intuito do produto é identificar casos de mulheres que foram infectadas pelo patógeno durante a gravidez e cujos bebês nasceram sem microcefalia. Essas crianças podem vir a ter complicações de desenvolvimento como déficit cognitivo e dificuldades motoras.

“Nosso foco foi atender gestantes, principalmente. O teste consegue identificar quem já está imunizado [já foi infectado pelo zika alguma vez na vida], até mesmo no caso de pessoas que também tiveram dengue ou febre amarela. Com o novo teste, as grávidas que nunca foram infectadas passam a ter mais cuidados, como usar repelente e evitar áreas de risco. Já os casos de detecção do vírus durante a gravidez devem passar a ser acompanhados por mais tempo, mesmo que o bebê nasça sem microcefalia”, disse Edison Luiz Durigon, pesquisador do ICB-USP e um dos responsáveis pelo desenvolvimento do novo teste.

Para Durigon, o novo teste pode ser estratégico para a formulação de políticas públicas. Isso porque bebês expostos ao vírus durante a gestação podem nascer com pequenas lesões no cérebro inicialmente não detectáveis, mas que no futuro podem desencadear déficit cognitivo e outros tipos de problemas.

“A microcefalia é só a ponta do iceberg. A doença é assintomática muitas vezes e até hoje não sabemos a dimensão da epidemia por carência de dados. Acreditamos que cerca de 90% das gestantes que tiveram zika não relataram a doença por não terem notado a infecção. Portanto, muitas das crianças que nasceram sem microcefalia podem vir a apresentar disfunções que só serão percebidas a partir da idade escolar”, disse.

Segundo Durigon, com o novo teste é possível identificar esses casos específicos, que necessitam de exames mais sofisticados, como tomografia e ressonância, para detectar essas lesões no cérebro.

“Hoje temos por volta de 3,8 mil crianças institucionalizadas por causa do vírus Zika. Já é um número alto e se refere apenas às crianças com microcefalia. Quantas ao todo foram afetadas não sabemos ainda, pois há uma sombra nessa epidemia que não nos permite ver. O perigo é que novos desdobramentos venham a ser percebidos nos próximos anos, como o aumento de casos de dificuldade de aprendizado nas escolas. Isso pode ser uma consequência, claro que não tão grave quanto a microcefalia, mas também muito séria”, disse.

Baixo custo e alta especificidade contra o Zika
A grande vantagem do teste em relação aos já disponíveis no mercado é a capacidade de medir anticorpos muito específicos e, assim, identificar a ocorrência de infecção por zika no soro sanguíneo mesmo em amostras de pessoas que já tiveram contato com patógenos aparentados, como o vírus da dengue.

“O primeiro surto da doença no Brasil ocorreu em dezembro de 2015 e já em julho de 2016 foram colocados no mercado uns três testes sorológicos. Porém, eles são pouco específicos e podem dar um resultado falso positivo caso o indivíduo já tenha tido dengue ou outra doença cujo patógeno pertence à mesma família dos flavivírus. E isso era muito comum em várias regiões do Brasil em que a dengue é endêmica”, disse Danielle Bruna Leal de Oliveira, pesquisadora do Laboratório de Virologia Clínica e Molecular do ICB-USP e coordenadora do projeto.

Com isso, a equipe de pesquisadores desenvolveu o teste sorológico para detecção da proteína viral à qual os anticorpos do tipo IgG (imunoglobulina G) aderem durante a infecção. Dessa forma é possível identificar se a pessoa está imunizada, pois as proteínas permanecem no organismo anos após a infecção.

A dificuldade da técnica, no entanto, estava no fato de a proteína viral NS1 ser muito parecida em todos os membros da família dos flavivírus, que inclui dengue, zika e febre amarela, entre outros. Para contornar o problema, os pesquisadores da USP usaram uma versão editada da proteína, apenas com o trecho da molécula que é específico para o Zika.

“Era muito importante que não houvesse reação cruzada em quem já tivesse sido infectado com pelo menos um dos quatro tipos de dengue. Por isso, fizemos mais de 3 mil testes até validar o produto. Buscamos populações de áreas endêmicas de dengue, como São Paulo, Bahia, Goiás e outros estados”, disse Durigon.

Teste
O teste é baseado na metodologia conhecida como ELISA (ensaio de imunoabsorção enzimática, na sigla em inglês), justamente para ser de baixo custo e de amplo alcance para a população. A plataforma é composta por uma placa com 96 pequenos poços nos quais fica aderida uma proteína viral capaz de ser reconhecida pelo sistema imune humano.

Os poços são preenchidos com soro sanguíneo de até 94 pacientes simultaneamente – outros dois são usados como controle. Nos casos em que houve contato prévio com o Zika, os anticorpos IgG ficam aderidos à proteína viral – o que é posteriormente detectado por ensaios colorimétricos (as amostras positivas e negativas adquirem colorações diferentes).

De acordo com Durigon, é possível saber se a infecção é mais recente ou antiga pela quantidade de anticorpos. “Embora não tenha sido o objetivo do teste, dá para saber se a pessoa tem mais ou menos anticorpos. Se a quantidade diminuiu bastante, é provável que a infecção tenha ocorrido há um ano, por exemplo”, disse Durigon.

“O anticorpo não desaparece totalmente do organismo, mas decai muito com o tempo. O lado bom é que, mesmo que a pessoa tenha um nível baixo de anticorpos [infecção antiga], ao entrar em contato novamente com o vírus os níveis de imunidade rapidamente se recuperam. Dá para confiar no sistema imunológico”, disse.

Agência Fapesp

Condenado por estupro na PB é inocentado após dois anos preso

Genário Diniz foi condenado em 2017 por suposto estupro contra enteadas. TJPB o considerou inocente após defesa provar falso testemunho das vítimas

Genário (à esquerda) e o advogado João Martins
após saída da cadeia (Foto: João Martins)
Um inocente cumprindo pena de 18 anos de reclusão por estupro contra duas enteadas menores de idade. Essa é parte recente da vida do agricultor Genário Cândido Diniz, de 47 anos, que ganhou liberdade no dia 25 de setembro, mas só esteve livre de fato dois dias depois, após ficar dois anos preso na Cadeia Pública de Santa Luzia, na região de Patos, a mais de 300 km de João Pessoa (PB).

Acostumado a trabalhar desde cedo, a vida de Genário mudou em 2017, quando ele foi condenado em decisão monocrática por estupro contra as enteadas, na época com 9 e 12 anos. O suposto crime foi denunciado pelas meninas e a mãe delas, que mantinha um relacionamento amoroso com Genário.

Na denúncia formal, o Ministério Público da Paraíba (MPPB), levando em consideração o depoimento das vítimas e da mãe delas, relatou que os supostos abusos ocorreram entre 2015 e 2016 em uma casa onde a família morava, no município de Junco do Seridó.

Falsos depoimentos levaram à condenação
Levado à Justiça, Genário foi julgado culpado e começou a cumprir pena em agosto de 2017 na Cadeia Pública de Santa Luzia, ficando em uma ala dedicada a presos por crimes sexuais. Durante o período na prisão, sofreu por um crime que não cometeu e guardava esperança de voltar à liberdade.

“As provas que o juiz usou para condenar Genário foram apenas os depoimentos das menores. Não houve exames de conjunção, nada. Entramos com recurso, passamos dois anos de agonia tentando mostrar à Justiça que um homem inocente estava condenado e apelamos em recurso”, afirmou o advogado de Genrário, João Martins.

No recurso, a defesa conseguiu provar que a mãe induziu as filhas a mentir e acusar Genário de estupro. Tudo teria sido motivado por uma “disputa” pela casa onde eles moravam, que havia sido deixada pelo pai das garotas para elas.

Conforme o advogado, as meninas não gostavam de Genário e começaram a dizer que ele estava namorando com a mãe delas e tinha ido morar na casa para tomá-la para ele, mesmo sem isso ter sido pensado por ele. Ao saber da reclamação das filhas, a mãe induziu as garotas a acusarem Genário de estupro.

“A polícia tomou depoimentos, o Ministério Público denunciou e o caso foi parar nos tribunais, culminando com a condenação sem as devidas provas. Recorremos ao Pleno do TJ e conseguimos comprovar a inocência de Genário mostrando que tanto a mãe como as meninas prestaram falso testemunho na polícia e ao MPPB. Genário nunca encostou nas garotas. Felizmente, os desembargadores viram a injustiça que havia sido cometida e reformaram a sentença, agora em decisão definitiva”, relatou o advogado.

Saída para casa
“Nunca imaginei que iria passar por isso, que iria ser preso por um crime que eu não cometi. Foi muito difícil passar esses dois anos preso, mas o que me alentava era que o pessoal de lá escutou minha história. Me trataram bem. Nunca sofri agressão na cadeia, mas fiquei doente por muito tempo. É um lugar que eu não quero voltar. Vou para casa, abraçar minha irmã, meus sobrinhos e ligar para meus dois filhos. Estou muito feliz, graças a Deus estou livre”, contou Genário ao Portal Correio minutos após deixar a Cadeia de Santa Luzia.

Genário ainda precisou esperar por dois dias para se ver livre de onde nunca deveria ter entrado. Na saída da Cadeia, Genário levou uma sacola com pertences pessoais e deixou para trás a vida de apenado, retornando ao município onde a família mora, em Equador, no Rio Grande do Norte.

“Foi uma luta que a gente conseguiu vencer. Demorou dois anos para reversão da errônea condenação. Ainda tivemos que aguardar dois dias para que o alvará de soltura ficasse pronto. Foi e é uma luta incansável nossa contra a morosidade da Justiça, dos processos penais. A partir de hoje, Genário volta a ser um homem livre, sem dívida com a Justiça”, finalizou o advogado João Martins.

Portal Correio

Reitor confirma investigação de suposta ameaça de ataque a estudantes da UEPB em CG

O estudante usou o próprio número para fazer ameaças nos grupos do aplicativo de mensagens e está sendo procurado pela polícia

Uma suposta ameaça de atentado a estudantes do curso de Letras (Espanhol) do Campus I da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está sendo investigada pela inteligência da Polícia Civil após um aluno interromper a aula na manhã da última sexta-feira (18) para ler uma carta relatando a compra de uma arma para assassinar sete pessoas da sala. Em seguida, o estudante enviou para grupos de WhatsApp do curso, links com reportagens que mostram ataques recentes a escolas criando um clima de pânico do Departamento de Letras. Como prevenção, as aulas do curso de espanhol foram suspensas pela Coordenação do curso.

O estudante foi identificado como Ánderson Bujika, da turma 2013.2. Ele usou o próprio número para fazer ameaças nos grupos do aplicativo de mensagens e está sendo procurado pela polícia.

O Blog do Márcio Rangel entrou em contato com reitor Rangel Júnior que afirmou que está acompanhando as investigações e foi orientado a aguardar as investigações para tomar uma providência maior, ele confirmou a suspensão das aulas somente para as turmas de Espanhol, a pedido da Coordenação, mas que por hora, as aulas no campus estão mantidas.

“Eu fui orientado a aguardar um pouco os desdobramentos das investigações da Polícia, por enquanto é uma questão que está sendo repercutida numa rede social e precisamos ter cuidado para que isso não e transforme num estímulo a um possível agressor”, adiantou Rangel.

Ainda segundo o professor e psicólogo, há uma preocupação para que não se crie um ambiente de pânico na comunidade acadêmica. “Pode ser alguém imbuído de um tipo de pensamento, para tentar criar uma situação de revolta, estamos tendo o cuidado para não criar um ambiente de pânico nas pessoas. Eu estou confiante que polícia deva ter uma orientação nesse sentido e chegar a pessoa”, disse.

Blog do Márcio Rangel