Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Greve de vigilantes pode deixar caixas eletrônicos sem dinheiro na PB

De acordo com o presidente do sindicato, Laudivan Gonçalves, a categoria reivindica um aumento salarial de 5%

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes de Valores da Paraíba anunciou a paralisação, desde 0h desta segunda-feira (29), dos profissionais que atuam na segurança dos carros-fortes no estado. A categoria reivindica um aumento salarial de 5%.

De acordo com o presidente do sindicato, Laudivan Gonçalves, os salários dos profissionais que trabalham nos carros-fortes variam entre R$ 1.541 a R$ 1.965. Ele disse que o pessoal da vigilância interna recebeu recentemente um reajuste, mas os empresários estariam se negando a negociar com o restante da categoria.

Laudivan explicou que a categoria só encerrará a greve após a concessão do reajuste. Ele acredita que pode haver faltar dinheiro nos caixas eletrônicos nas próximas horas, caso o reabastecimento não seja feito.

Portal Correio também conversou com o presidente do Sindicato dos Bancários, Marcelo Alves, que confirmou a possibilidade do desabastecimento. Ele lembrou que nesta segunda e terças-feira acontece o pagamento dos servidores do estado e de algumas prefeituras, e o grande fluxo de saques nos caixas pode deixar os equipamentos sem dinheiro.

Marcelo revelou que os bancos estão tentando negociar com o sindicato a utilização de, pelo menos, 30% do contingente de vigilantes, mas ressaltou que mesmo assim o desabastecimento não está descartado.

Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário