Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

sábado, 24 de agosto de 2019

Abaixo-assinado contra vaquejadas em Cuité já tem mais de 30 mil assinaturas

A meta é alcançar 35 mil assinaturas

Uma mobilização nas redes sociais contra eventos de vaquejadas na cidade de Cuité, já alcança mais de 30 mil assinaturas na plataforma online ‘Change.org’. A iniciativa que é da comunidade ‘Veganismo Paraíba’ criou esse abaixo-assinado para requerer à prefeitura do município de Cuité (PB) o fim das atividades. A meta é alcançar 35 mil assinaturas. 

No último dia 21, o Plenário da Câmara dos Deputados concluiu a votação do projeto de lei que regulamenta as práticas da vaquejada, do rodeio e do laço no Brasil (PL 8240/17). Os deputados rejeitaram três destaques do PT ao texto. A proposta será enviada à sanção presidencial, ainda sem previsão de retorno. 

O projeto é consequência da Emenda Constitucional 96, que, entre outros pontos, reconhece a vaquejada como um bem de natureza imaterial integrante do patrimônio cultural brasileiro. A emenda determinou a regulamentação da prática por uma lei específica, que assegure o bem-estar dos animais envolvidos.

ClickPB

2 comentários:

  1. Vaquejada faz parte da cultura nordestina, brasileira e desde que seja regulamentada e realizada dentro dos procedimentos de segurança nao vejo por que proibir a realizaçao.

    ResponderExcluir
  2. Vaquejada e é pra cabra macho, mais tem muito boiola que querem proibir, preferem ir no zoológico esconder cobra

    ResponderExcluir