Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Suspeito de usar fotos íntimas de celulares roubados para extorquir vítimas é preso na Paraíba

Prisão aconteceu em cumprimento de mandado em Santa Rita. Mais de 20 pessoas registraram queixa na delegacia após contato feito pelo suspeito

Um homem suspeito de desbloquear IPhone roubados e usar fotos íntimas para extorquir as vítimas que tiveram os aparelhos celulares levados foi preso nesta quinta-feira (17) em Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa. Segundo informações da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio de João Pessoa, Wellington Soares Costa, de 34 anos, foi preso após denúncia de mais de 20 pessoas.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito teve a prisão preventiva decretada pela 1ª Vara Criminal de Santa Rita, após investigações da Polícia Civil. Pelo menos, vinte pessoas procuraram a delegacia em maio deste ano para formalizar a denúncia.

Segundo as investigações, Wellington Soares Costa possui equipamentos e a técnica para desbloquear os aparelhos. Após ter acesso aos arquivos de fotos e contatos do telefone, ele passa a chantagear os proprietários do celular. Os arquivos só ficavam disponíveis após as vítimas, em contato com a fabricante do aparelho, solicitarem o desbloqueio com a esperança de localizar o celular.

O delegado Braz Morroni, titular da delegacia que efetuou a prisão, o suspeito exigia dinheiro para não divulgar fotos das vítimas. Em algumas situações, chegava a fazer ameaças, usando os dados que encontrava no celular ou prometia devolver o aparelho em troca de dinheiro.

A vítima acabava sofrendo dois tipos de crimes. Primeiro, tinha o aparelho roubado ou furtado. Depois, era chantageada, ameaçada e obrigada a pagar para não ter seus dados vazados. Ainda de acordo com o delegado, a investigação começou quando a polícia prendeu a companheira de Wellington.

O preso foi enquadrado em crimes de receptação e associação criminosa, tendo em vista que atua em parceria com outros indivíduos que praticam o roubo e furto dos aparelhos. Wellington foi submetido a exame de corpo de delito e será encaminhado à carceragem da Central de Polícia Civil em João Pessoa.

G1 PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário