Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

terça-feira, 10 de março de 2020

Criador do primeiro computador do NE, morre aos 73 anos, na Paraíba

Empresário paraibano radicado em Pernambuco foi pioneiro no ramo da tecnologia e fundou uma das primeiras empresas provedoras de internet do país
Reprodução/Facebook/Belarmino Alcoforado
Belarmino Alcoforado,
no ano de 2011
O empresário paraibano José Eduardo Belarmino Alcoforado morreu na segunda-feira (9), aos 73 anos, em um hospital particular de João Pessoa, onde estava internado para tratamento de saúde. Belarmino nasceu em Sertãozinho, mas teve carreira radicada em Pernambuco. O empresário foi responsável por criar, na década de 1980, o Corisco, primeiro microcomputador do Nordeste.

Conforme informações da família de Belarmino, o velório acontece nesta terça-feira (10) em um cemitério na cidade de Paulista, em Pernambuco. O sepultamento está previsto para acontecer às 16h. Belarmino Alcoforado deixa viúva, dois filhos e três netos. A família não divulgou a causa da morte.

Pioneiro no ramo da tecnologia no Nordeste, Belarmino Alcoforado criou o Corisco em 1983, em parceria com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e fundou uma das primeiras empresas de desenvolvimento de software e provedora de internet do Brasil. O empresário era engenheiro eletricista de formação e se mudou para o estado de Pernambuco na década de 1960.

Em 2017, para cuidar da saúde, Belarmino Alcoforado saiu do Recife e voltou para a Paraíba, onde fixou residência em Cabedelo. Nos últimos anos, o empresário atuava com projetos de internet das coisas (IoT) e trabalhos artesanais.
 
Computador Corisco, em 1984
Foto: Belarmino Alcoforado/Acervo pessoal
G1 PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário