Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

sexta-feira, 27 de março de 2020

Maior reservatório do RN atinge 27,78% da capacidade hídrica

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves acumula atualmente 659.255.992 m³ de água do total de 2,37 bilhões de metros cúbicos que comporta

Parede da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório do RN, fica em Itajá, na região Oeste potiguar - Foto: Bruno Andrade
A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório hídrico do Rio Grande do Norte, atingiu 27,78% do total de sua capacidade, que é de 2,37 bilhões de metros cúbicos de água. De acordo com o Instituto de Gestão de Águas (Igarn), atualmente o reservatório está com 659.255.992 m³.

Ainda segundo o Igarn, no mesmo período no ano passado o número chegava aos 21%, totalizando 503.957.333 m³. As reservas hídricas superficiais totais do estado atualmente são de 1.233.200.950 m³, o que corresponde a 28,17% da capacidade total das bacias potiguares juntas, que é de 4.376.444.842 m³.

Em comparativo com 2019, no mesmo período, o volume das reservas hídricas do RN era de 999.744.119 m³, percentualmente, 22,84% do volume total que conseguem acumular.

De acordo com o Instituto, a barragem Santa Cruz do Apodi, segundo maior reservatório do estado, com capacidade para 599.712.000 m³, acumula atualmente 152.247.518 m³: 25,39% do seu volume máximo. No final de março de 2019, o manancial estava com 135.915.601 m³, o que corresponde a 22,66% da sua capacidade total.

O Instituto de Gestão de Águas avalia que os reservatórios potiguares têm tomados bons volumes de água. Foi assim também do Marechal Dutra, também conhecido como Gargalheiras, com capacidade para 44.421.480 m³. Ele acumula atualmente 11.448.873 m³, o que representa 25,77% da sua capacidade. No mesmo período de 2019 a barragem estava completamente seca.

Nível de alerta e secos
Dos 47 reservatórios monitorados pelo Igarn, cinco permanecem em nível de alerta, com volumes inferiores a 10% da capacidade total. Isso corresponde a 10,63% dos mananciais. Já os que estão secos são três, percentualmente, 6,38% dos açudes monitorados.

Segundo o Igarn, os mananciais que permanecem em nível de alerta são: o açude de Pilões, com 7,86% da sua capacidade total; Passagem das Traíras, em São José do Seridó, com 2,45% (porém o reservatório passa por obras não sendo possível grande acumulo); o açude Itans, em Caicó, que está com 3,88%; açude Esguicho, em Ouro Branco, com 0,7% e o açude Zangarelhas, em Jardim do Seridó, com 0,45%.

Os reservatórios que permanecem secos são: o açude Inharé, localizado em Santa Cruz; o açude Trairi, em Tangará e Japi II, em São José do Campestre.

G1 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário