Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

quinta-feira, 9 de abril de 2020

Vacinação contra a gripe, na PB, é antecipada para detentos e profissionais do sistema prisional

Por causa da pandemia do coronavírus, as doses serão aplicadas a partir do dia 16 de abril em todas as unidades prisionais da Paraíba

Vacinação no sistema penitenciário da Paraíba
começa no dia 16 de abril - Foto: Divulgação/Secom-PB
A 22ª Campanha de Vacinação contra a Influenza foi antecipada para detentos, policiais penais e profissionais que trabalham no sistema penitenciário da Paraíba. Por causa da pandemia do coronavírus, as doses serão aplicadas a partir do dia 16 de abril em todas as unidades prisionais da Paraíba.

De acordo com o Programa Nacional de Imunizações, as pessoas privadas de liberdade, profissionais do sistema penitenciário e das forças de segurança foram incluídas nos grupos prioritários da vacinação a fim de combater a propagação da gripe Influenza. A intenção é fortalecer a imunidade, além de minimizar o congestionamento de pacientes em hospitais e leitos do Sistema Único de Saúde (SUS), que se preparam para receber os infectados com a Covid-19.

“Vamos contar com o apoio da Secretaria Estadual de Saúde e das equipes do Programa de Saúde Penitenciária para assegurar a vacina em todos os reclusos, como também nos funcionários da Seap, até o fim de abril todos estarão vacinados. Afinal, nosso trabalho é alertar para a importância de se proteger contra os vírus H1N1 e H3N2, bem como garantir a eficácia da Campanha nas unidades prisionais do Estado”, ressalta o secretário estadual de Administração Penitenciária, o tenente coronel da PM Sérgio Fonseca.

Esta é a segunda fase da campanha em todo o país. Inicialmente, foram vacinadas pessoas acima de 60 anos e profissionais da área de saúde, que estão, desde o início de março, trabalhando no combate do coronavírus.

G1 PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário