Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

quinta-feira, 28 de maio de 2020

Preso suspeito de matar namorado da ex-companheira

Homem se apresentou na delegacia, mas ao chegar disse que estava lá para "se entregar"; a arma usada no crime ainda não foi encontrada

Foi preso nessa quarta-feira (27) o homem de 32 anos suspeito de matar o namorado da ex-comanheira no último domingo (24), em Campina Grande. As informações são da TV Correio, nesta quinta-feira (28).

A delegada Suelane Guimarães, da Delegacia de Homicídios em Campina Grande, informou que foi procurada pelo advogado do suspeito e ele disse que o homem iria se apresentar. Porém, ao chegar à delegacia, o suspeito disse que estava lá para “se entregar”. Segundo a delegada, ele não quis prestar depoimento.

A Polícia Civil pediu a prisão preventiva do homem, o que foi atendido pela Justiça, e ele foi preso na delegacia. O suspeito passou pelo exame de corpo de delito e foi levado para a penitenciária de segurança máxima de Campina Grande, no Serrotão.

A delegada disse ainda que a arma usada no crime não foi encontrada, mas um coldre, que é o estojo onde o revólver é guardado para ser carregado na cintura, foi achado na casa do suspeito e apreendido.

O caso
Um homem de 24 anos foi morto a tiros, na madrugada de domingo (24), na casa da namorada, no bairro do Cruzeiro, na Zona Sul de Campina Grande. O suspeito é o ex-marido da namorada da vítima, que fugiu e só foi preso nssa quarta (27).

O homem teria ido à casa da ex-companheira por volta das 2h para buscar o filho, uma criança, mas não teve autorização da mãe. Ele foi embora, mas voltou armado, teria pulado o muro da casa, aberto uma porta usando uma chave que ainda tinha e atirou em Jonathan Marley Vieira Batista depois de entrar. O jovem morreu no local.

Segundo apuração da TV Correio, a mulher ainda teve a arma apontada na direção dela, mas o suspeito não a matou porque a criança teria entrado na frente do pai. Depois, ele fugiu.

O casal esteve junto por 12 anos e estava separado há nove meses. O rapaz que morreu era casado e tinha dois filhos.

Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário