Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

quarta-feira, 8 de julho de 2020

Conheça como aconteceu a morte do sanfoneiro e fundador da banda Os 3 do Nordeste; assista ao vídeo

Internado, Zé Pacheco chegou a dar uma entrevista a um programa de rádio da cidade (ouça o áudio no vídeo), agradecendo pela força dos fãs e se dizendo feliz e agradecido por estar vivo

Zé Pacheco - Foto: Reprodução
José Pacheco Marinho Filho (Zé Pacheco), sanfoneiro e fundador do trio Os 3 do Nordeste, se encontrava na casa de Parafuso, no bairro do Cruzeiro, em Campina Grande-PB. A dupla estava tentando consertar um problema no tanque de óleo diesel do furgão, veículo que pertencia ao grupo.

Canal Blog NP no Youtube: INSCREVA-SE

Vítima de queimaduras de 3º grau (necrose profunda de tecido subjacente, perda cutânea de todas as camadas da pele), ocasionadas por um incêndio decorrente da explosão do tanque de combustível, o sanfoneiro foi imediatamente levado para o Hospital Pedro I, apresentando queimaduras no dorso e nos membros inferiores. Internado, chegou a dar uma entrevista a um programa de rádio da cidade (ouça o áudio no vídeo), agradecendo pela força dos fãs e se dizendo feliz e agradecido por estar vivo, mas, dias depois, mais precisamente no dia 24 de maio de 1994, faleceu, aos 49 anos

Assista ao vídeo abaixo


Zé Pacheco fundou o grupo, junto com parafuso e acabara de lançar o seu 21º LP ¨Bandeira do Forró", na qual ele foi responsável pela produção de estúdio, arranjos e acordeon.

O corpo do músico saiu em cortejo pelas principais ruas de Campina Grande, no carro dos bombeiros, e chegou a parar no Parque do Povo, onde ficou por aproximadamente 30 minutos, para que fãs se despedissem. Zé Pacheco foi sepultado no cemitério do Monte Santo.

Em decorrência da proximidade com o mês de junho e os inúmeros compromissos agendados, foi contrato o músico José Nilton para assumir a sanfona e acompanhar a dupla (Parafuso e Marrom) nos shows.

Fonte: leandronunesagr.wixsite.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário