Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

SITE OFICIAL DA PREFEITURA DE NOVA PALMEIRA

sábado, 8 de agosto de 2020

Policial militar é baleado e criminoso morre após perseguição e tiroteio no RN

Caso aconteceu no final da noite de sexta-feira (7) na BR-101 Norte, em Extremoz

Carro perseguido pela policial capotou na BR-101 Norte em
Extremoz, na Grande Natal - Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Um criminoso morreu e um cabo da Polícia Militar foi baleado em um confronto que aconteceu no final da noite desta sexta-feira (7) na BR-101 Norte, em Extremoz, na região metropolitana de Natal. O policial fraturou o tornozelo, mas, segundo a corporação, já passou por cirurgia e não corre risco de morte.

Segundo a PM, uma equipe da Força Tática fazia patrulhamento quando se deparou com um carro modelo Classic branco que tinha sido roubado de um motorista de transporte de passageiros por aplicativo. Ao ver a aproximação da viatura, o motorista acelerou e tentou fugir, dando início a uma perseguição policial.

Ainda de acordo com o relatório policial, na altura da rotatória próxima à fábica da Ambev, o motorista do carro perdeu o controle e capotou. Os criminosos, então, teriam dado início ao confronto, atirando contra os policiais, que revidaram.

Durante o confronto, o comandante da equipe, um cabo da PM, foi atingido por um tiro e sofreu uma fratura em um dos tornozelos. Um dos criminosos também foi baleado. Ambos foram socorridos para o Hospital Santa Catarina, na Zona Norte de Natal, porém o bandido não resistiu e morreu.

De acordo com a PM, após os primeiros atendimentos, o policial foi levado para o Hospital Walfredo Gurgel, na Zona Leste, onde passou por uma cirurgia. Segundo a PM, o militar deverá ser transferido para o hospital da corporação neste sábado (8).

O suspeito que morreu não foi identificado. Os outros criminosos envolvidos na ação conseguiram fugir. A polícia não informou quantos eram.

Um revólver calibre 38 com seis munições deflagradas foi apreendido pela policial no local da ocorrência.

G1 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário