Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

domingo, 31 de janeiro de 2021

Após roubo de vacinas em carro de enfermeira, Tatiana Medeiros volta a questionar plano de vacinação de Campina Grande

Tatiana Medeiros questiona por que uma enfermeira estava transportando vacinas em seu carro particular

Ex-secretária de Saúde quer explicações
sobre o Plano de Vacinação - Foto: Reprodução

A médica e ex-secretária de Saúde de Campina Grande, Tatiana Medeiros, informou em suas redes sociais que está protocolando denúncia na Promotoria da Saúde do município, sobre o roubo de vacinas que ocorreu neste domingo (31) na cidade.

Veja também:

Primeiros paraibanos são vacinados contra a Covid-19

As primeiras vacinações contra o Covid-19 em cidades da PB

Nesta manhã, uma enfermeira teve o carro tomado em um assalto quando saia do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Dentro do veículo, havia cerca de 70 doses de vacina contra a covid-19 dentro de uma caixa frigorífica portátil.

Ao ClickPB, o delegado Felipe Castelar informou que a enfermeira havia realizado a vacinação dos trabalhadores do hospital e estava indo embora com as doses que sobraram, quando ocorreu o roubo. O veículo foi encontrado, com as vacinas dentro, pouco tempo depois, na cidade de Puxinanã.

No Twitter, Tatiana Medeiros questionou por que uma enfermeira estava transportando a vacina em seu carro particular, em pleno domingo.

Esta é a segunda vez que a ex-secretária promove denúncias sobre a vacinação contra a covid-19, em Campina Grande. No último dia 26, ela protocolou uma denúncia de que havia pessoas furando a fila da vacina na cidade.

Em nota, a Secretaria de Saúde de Campina Grande informou que o carro pertence a Gerente de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, enfermeira efetiva do município e vacinadora da rede. ''A servidora é também integrante do Comitê Municipal de Imunização e, portanto, tem prerrogativa para transportar e manusear as vacinas'', diz trecho da nota. 

Leia a nota completa enviada pela Secretaria Municipal de Saúde: 

A Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande esclarece sobre o episódio ocorrido neste domingo, 31, em que doses da vacina da Covid-19 foram levadas por bandidos durante o roubo de um carro.

O roubo aconteceu após a realização da vacinação de funcionários do Hospital de Trauma. Os assaltantes roubaram o carro e, com isso, acabaram levando as vacinas que estavam no veículo.

Ainda na manhã deste domingo, a Polícia Militar localizou o carro e todas as doses estavam intactas no compartimento da mala. A equipe da Secretaria avaliou o acondicionamento das vacinas, que estavam na temperatura certa e foram recuperadas.

As 70 doses estavam em posse da Gerente de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, enfermeira efetiva do município e vacinadora da rede. A servidora é também integrante do Comitê Municipal de Imunização e, portanto, tem prerrogativa para transportar e manusear as vacinas.

Um boletim de ocorrência foi registrado na Central de Polícia e a Polícia Civil vai investigar o caso. A Secretaria Municipal de Saúde também vai apurar internamente as circunstâncias do fato.

Bárbara Wanderley - ClickPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário