Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Jovem que ficou queimado após explosão em prédio morre no hospital, em João Pessoa

Três pessoas foram encaminhadas para o Hospital de Trauma, entre elas Yuri Ítalo, de 20 anos, que não resistiu aos ferimentos

Explosão destrói prédio residencial e deixa mortos
e feridos em João Pessoa - Foto: Walter Paparazzo/G1

Um jovem de 20 anos que no último dia 4 de abril ficou ferido durante uma explosão que ocorreu em um prédio no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, morreu neste fim de semana no Hospital de Emergência e Trauma da capital.

A explosão foi registrada em um prédio de pequeno porte no bairro de Mangabeira. Conforme o Corpo de Bombeiros, duas pessoas morreram e seis ficaram feridas. Três pessoas foram encaminhadas para o Hospital de Trauma, entre elas Yuri Ítalo, de 20 anos, que não resistiu aos ferimentos.

De acordo com informações do capitão do Corpo de Bombeiros, Jeferson Caminha, o caso aconteceu por volta das 4h da madrugada e, a suspeita é que a explosão tenha sido provocada por um vazamento de gás de cozinha. O capitão acrescentou que a primeira vítima retirada estava muito queimada e o cheiro de GLP, característico do gás, estava muito forte no local, evidenciando a causa.

Das vítimas resgatadas, três sofreram queimaduras graves. Uma mulher de 24 anos, identificada como Jaciele Almeida, e o filho dela, Davi Lucas, de três anos, ficaram soterrados e morreram no local.

Após vistoria no local, a Defesa Civil afirmou que o prédio terá que ser demolido, além de quatro casas vizinhas que também foram atingidas pelo impacto da explosão.

G1 PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário