Rádio Cenecista de Picuí

VÍDEOS, FOTOS E MATÉRIAS TAMBÉM NO INSTAGRAM

terça-feira, 15 de junho de 2021

Vereador João Medeiros encaminha dois projetos ao Executivo que podem mudar o rumo do turismo de Nova Palmeira

A Política Nacional de Turismo, estabelecida pela lei 11.771/2008, tem dentre os seus princípios a regionalização do turismo

Vereador João Medeiros

O vereador João Medeiros (PTB) encaminhou nessa segunda-feira, 14, à prefeitura de Nova Palmeira, dois projetos de suma importância para município. O primeiro solicita a criação do Conselho Municipal de Turismo e o outro não menos importante, requisita a alteração do nome da Secretaria de Agricultura para Secretaria Agricultura Semiárido e Turismo.

De acordo com João, os projetos foram encaminhados ao Executivo porque a cada dois anos o Ministério do Turismo abre atualização para inserir municípios no mapa do turismo brasileiro.

“Encaminhei os projetos porque o Ministério do Turismo exige dos municípios um conselho, um órgão responsável pelo turismo no município, além de outros requisitos. Então, como vai abrir a seleção para inclusão dos municípios, eu estou propondo a inclusão de Nova Palmeira no Mapa do Turismo Brasileiro, uma vez que nosso território tem uma vasta potencialidade, através do turismo rural, artesanato e o próprio carnaval, e estando inserido no Mapa, a gente pode conseguir recursos junto ao Ministério para fomentar, potencializar as riquezas latentes existentes em nosso município. Estamos na luta, atualizando uma série de documentações para inserir Nova Palmeira nesse na Política Nacional de Turismo”, explicou João.

A Política Nacional de Turismo, estabelecida pela lei 11.771/2008, tem dentre os seus princípios a regionalização do turismo. Esta trabalha sob a perspectiva de que mesmo um município que não possui uma clara vocação para o turismo - ou seja, que não recebe o turista em seu território - pode dele se beneficiar, se esse município desempenhar um papel de provedor ou fornecedor de mão-de-obra ou de produtos destinados a atender o turista. O trabalho regionalizado permite, assim, ganhos não só para o município que recebe o visitante, mas para toda a região.

“Quero agradecer a Gestão Uma História de Trabalho por acolher muito bem a ideia que levei ao Executivo, e também a Raony Borges, do Grupo Rastros e Pegadas, que está sendo meu parceiro na elaboração das leis”, finalizou o vereador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário